Cinco anos sem Fernando Sabino

Ontem eu postei uma série de tweets que, juntos, formam um pequeno texto. Como no Twitter tudo se perde muito rápido, resolvi organizá-los aqui em forma de post.

O escritor Fernando Sabino morreu há cinco anos, no dia 11 de outubro de 2004, às vesperas de seu aniversário de 81 anos. Para quem não sabe, Fernando Sabino é um dos maiores escritores brasileiros do século XX. É, com certeza, o maior cronista do século passado, ao lado de Rubem Braga. Além disso, é autor de quatro romances, sendo que pelo menos dois deles são obras-primas indiscutíveis: “O encontro marcado” e “O grande mentecapto”. Jorge Amado considerava outro como obra-prima: “O menino no espelho”, que, realmente, é fantástico.

Sabino é o escritor que mais admiro e que mais me influenciou literariamente. não apenas por suas obras terem me marcado muito, mas também porque aprendi muito sobre a própria literatura com ele. Além de, claro, aprender muito como ser humano. é por isso que, neste ano, resolvi fazer o site-homenagem, como marco desses 5 anos sem ele, e como forma de tentar fazer sua obra se conhecida por quem ainda não a conhece.

Com a ajuda de várias pessoas, estou atualizando o endereço http://afaltaqueelefaz.com.br/, com textos sobre Sabino e sua obra. E venho agora pedir uma pequena ajuda a vocês: divulgar o site. Ontem postei um texto de Affonso Romano de Sant’Anna, contando como foi o velório de Sabino. Hoje, aniversário de Sabino, postei depoimento inédito/exclusivo de Zuenir Ventura sobre Fernando.

Mais adiante serão republicados textos de João Paulo Cuenca, Sérgio Rodrigues, Caco Belmonte, Mauro Ventura, uma entrevista do Sabino jamais publicada etc. Portanto, a coisa é séria. Se vocês puderem divulgar, agradeço.

This entry was posted in Literatura, QI. Bookmark the permalink. Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

One Comment

  1. Posted October 15, 2009 at 09:31 | Permalink

    Rafael,

    O Fernando Sabino não é um dos meus escritores preferidos (li dele somente “O encontro marcado” e “O grande mentecapto), mas a sua iniciativa é muito boa! Valeu!!

Post a Comment

Your email is never published nor shared. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*
*